Mídias Digitais em 2017: evolução ou retrocesso?

midias-sociais-a-caminho-da-consolidacao-e-maturidade1

O que impede seu sucesso em 2017? O Whats App, por exemplo, pode ser
seu principal funcionário comercial ou sua maior dispersão

Estamos mais ignorantes ou, na verdade, perdemos o controle sobre nossa evolução? A virada de ano me marcou pela quantidade de reclamações que ouvi sobre emprego, salário, clientes e, claro, esse desenfreado galope digital que deixa muita gente para trás. É irresponsável negar todos os problemas atuais do País e dizer que o universo digital vai nos salvar. Ele não vai! E sei que perderei clientes por essa minha afirmação. Mas, antes de mentir sobre um milagre digital, prefiro dizer uma verdade inconveniente para começarmos nosso 2017: nós somos a nossa verdadeira crise.

As pessoas caem no erro de negar as evoluções tecnológicas simplesmente porque as desconhecem, em vez de se incomodarem com a ignorância e buscarem superá-la. Paralisam-se na primeira desculpa que suas mentes encontram e depois reclamam novamente que tudo é muito complexo. São do tipo que acordam todos os dias com o celular ao lado do travesseiro, perdem preciosos minutos da manhã olhando o Facebook sem qualquer propósito, mas criam uma enorme resistência para entender como essas ferramentas se tornaram tão ricas e alguns profissionais que trabalham com isso mais bem-sucedidos que elas.

O WhatsApp, por exemplo, pode ser seu principal funcionário comercial, como também sua maior dispersão. Já o Instagram, de espelho de Narciso, é também ímã de clientes. Evoluir na profissão continua sendo uma questão de escolha. Mas dá trabalho pensar e agir em prol do próprio futuro. Para muitos, ir apenas conforme a correnteza é mais cômodo. O problema é que nunca esperam que o mar possa subir e afogá-los por não saberem nadar.

a401d8fa1e334e2b80e0f604735dec40

A crise é um fato, mas oportunidades existem para quem está preparado. Passamos o ano ouvindo que precisamos ter inglês na ponta da língua, entender de marketing digital e sermos mais qualificados. Encontramos desculpas como a falta de tempo ou que não temos dinheiro. Viramos o ano reclamando que o mercado não ajuda e falando mal de alguns que conseguiram superar. A única dúvida é quando iremos perceber que o único responsável pelo nosso futuro somos nós mesmos, que nada pode nos impedir senão as nossas próprias fraquezas e que, mesmo em crise, existem também as chances de ganhar com ela. Esperar que tudo caia do céu gasta a mesma quantidade de tempo que pensar e agir, você decide. Mas saiba que, independente da área de mercado, tecnologia é um grande diferencial apenas para quem mergulha, ao invés de só reclamar.

Se esses textos que escrevi em 2016 lhe fizeram sentido, mas você ainda não se moveu, aproveite seu 2017 para dar finalmente start. Quando você começa e o fracasso não é mais uma opção, o sucesso torna-se inevitável. Bem-vindo ao novo ano!

Por: W. Gabriel
Mestre em marketing, professor e consultor de marketing em mídias digitais
Contato: wgabriel@wgabriel.net
Fonte: Jornal O Povo, Opinião, 12 de janeiro de 2017        

Fé e Ciência

nuevosdioses2

As relações entre a verdade religiosa e a verdade científica são temas sempre discutidos no mundo atual.  Passei quase toda a minha vida adulta como professor universitário e durante este tempo este assunto vêm à tona frequentemente. Recebi dos meus colegas e alunos perguntas deste tipo: Será que fé e ciência não entram em choque? Qual é o relacionamento entre fé e ciência? A ciência é uma ameaça á fé? Como  sabemos com certeza que Deus existe etc. Nos últimos quarenta anos com o surgimento de questões polêmicas como a clonagem humana, a descoberta do genoma humano, os direitos reprodutivos, reprodução assistida, a engenharia genética, o aborto, direito à vida dos fetos  anencefálicas, transplantes e doação de órgãos, pesquisa em seres humanos, eutanásia e distanásia etc., a discussão está se reacendendo.

O papa João Paulo ll ficou tão preocupado com a relação entre fé e ciência que escreveu uma Carta Encíclica titulada “Fides e Ratio” (Fé e Razão) em 1998. Desde 1965 aproximadamente, a humanidade passou a se defrontar com uma série de dolorosos questionamentos sobre fé e morais suscitados pelos avanços alcançados na ciência. A capacidade humana de destruir a biosfera e de manipular as espécies ou de intervir tecnologicamente em sua evolução indicava que os princípios éticos clássicos passariam a ser relativizados. Com a bioética, novas orientações apareceram nessas áreas sensíveis.

Falando sobre Fé e Ciência, o Catecismo da Igreja Católica afirma: “Ainda que a fé esteja acima da razão, não poderá jamais haver verdadeira desarmonia entre uma e outra, porquanto o mesmo Deus que revela os mistérios e infunde a fé dotou o espírito humano da luz da razão; e Deus não poderia negar-se a si mesmo, nem a verdade jamais contradizer a verdade” (cf. Con. Vat l, Dei Filius 4 e Denzinger-Schönmetzer, 3017). “Portanto, se a pesquisa metódica, em todas as ciências, proceder de maneira verdadeiramente científica, segundo as leis morais, na realidade nunca será oposta à fé: tanto as realidades profanas quanto as da fé originam-se do mesmo Deus” (Con. Vat. ll, GS, 36.2).

A Igreja Católica ensina que a pesquisa de base, como a pesquisa aplicada, constitui uma expressão significativa do domínio do homem sobre a criação. A ciência e a técnica são recursos preciosos postos a serviço do homem e promovem seu desenvolvimento integral em benefício de todos; contudo, não podem indicar sozinho o sentido da existência e do progresso humano.

Segundo o Catecismo da Igreja Católica é ilusório reivindicar a neutralidade moral da pesquisa científica e de suas aplicações. A ciência e a técnica exigem por seu próprio significado intrínseco, o respeito incondicional dos critérios fundamentais da moralidade; devem estar a serviço da pessoa humana, de seus direitos inalienáveis, de seu bem verdadeiro e integral, de acordo com o projeto e a vontade de Deus (CIC 2294). Gostaria de terminar este breve artigo citando um dos mais eminentes cientistas do mundo: Albert Einstein (+1955) Nobel de Física disse “Quanto mais acredito na ciência, mais acredito em Deus. O universo é inexplicável sem Deus”.

padre_brendan-200x200 Por:  Pe. Brendan Coleman Mc Donald, Redentorista e Assessor da CNBB Reg. N E1
(Fonte: Arquidiocese de Fortaleza,  Seção Artigos, 13 de janeiro de 2017).

 

 

Católica de Fortaleza abre inscrições para o 2º Processo Seletivo 2017

Depois do Primeiro Processo Seletivo 2017 da Faculdade Católica de Fortaleza, realizado em dezembro/2016, novas inscrições são abertas com vagas para os Cursos: BACHARELADO EM TEOLOGIA (Noite) e LICENCIATURAS EM FILOSOFIA E CIÊNCIAS  SOCIAIS (Noite).

cartao-2o-processo

link-edital-blog

Serviço:
INSCRIÇÕES: 2 a 27 de janeiro
PROVAS: 30 de janeiro
RESULTADO:  31/1
MATRÍCULAS DOS APROVADOS: 1º e 2 de fevereiro
MATRÍCULA DOS CLASSIFICÁVEIS: 3/2

Por: Setor Criação e Comunicação

Política agora

Por Filipe Feijão*

O Brasil está atravessando uma situação difícil. Essa afirmação é retratada diariamente nos jornais, na televisão e na internet. Mas parece que de uns tempos para cá, essa situação difícil piorou de uma forma crítica e lamentável. O governo provisório até então não disse a que veio, daí o discurso inaugural precisar urgentemente sair do papel e ser efetivado. A situação de instabilidade política mostra seu generoso reflexo num impasse de mudança de cargos ministeriais do dia para a noite.

temer-novo-logotipo-brasil

Em pouco mais de um mês à frente do País, o governo Temer não possui a mesma configuração de ministérios que possuía quando tomou posse. Até agora já caíram três ministros. Isso gera, na cena política, um desenvolvimento negativo que descamba como consequência da tomada de decisão de saída dos cargos nas investigações da Lava Jato.

Numa palavra, parece que o Brasil passa por uma depressão cívica. Os ocupantes dos cargos públicos mais elevados estão sob a onda de investigação. O governo temporário parece não inspirar a esperança de que o povo brasileiro precisa para vislumbrar, nesse tempo de transição (ou não tão transição assim), novos rumos. Indubitavelmente, o que não pode acontecer é que retrocessos sejam concebidos de forma normal, muito menos que se mascarem de outros motivos não explicitados à população. Todas as conquistas já obtidas ao longo de anos, que positivamente beneficiaram o cenário social, devem ser mantidas e, além disso, aperfeiçoadas de modo que, mesmo imerso numa profunda crise, o País progrida ao invés de regredir.

Mesmo possuindo um estilo diferente do governo Dilma, o governo interino que se aparenta a um estilo de política velha conhecida, precisa reconhecer o que, socialmente através de constatações, melhorou a vida dos brasileiros. E quanto ao processo de impeachment, é melhor deixar os comentários para um momento próximo mais oportuno. A esperança de todos numa visão otimista é a de que após passar por esse percurso doloroso, o Brasil aprenda com essa crise e melhore. Em meio a todo esse caos político de impeachment, de governo interino, de queda de ministros, de pedidos de prisão, há sim alguma solução que satisfaça o restabelecimento do ordenamento num sentido ao menos na normalidade das coisas. Como diz a sabedoria popular: “há males que vêm para o bem”.

O povo está sedento de um nome emblemático que mais do que uma figura ideal represente de fato um novo rumo na história do Brasil. Com esses nomes que estão aí? Impossível!

servletrecuperafoto*Felipe Augusto Ferreira Feijão, estudante de Filosofia na Faculdade Católica de Fortaleza.
Publicado no Jornal O ESTADO (Opinião) – quarta-feira, 22 de junho 2016.

Parceria entre Faculdade Católica de Fortaleza e Comunidade Católica Shalom oferta Curso de Logoterapia

O público alvo são  pessoas interessadas pela área de Logoterapia, sejam psicólogos, educadores, sacerdotes, estudantes universitários,
pessoas de vida consagrada ou leigas.

CARTÃO---Logoterapia

 O Instituto Parresia da Comunidade Católica Shalom, em parceria com  Faculdade Católica de Fortaleza -FCF, realiza o curso Logoterapia “Educar para o Sentido da Vida”, de 20 a 22 de maio na capital cearense. As palestras serão  ministradas pelo psicólogo e professor da Universidade Federal da Paraíba, Thiago Antônio Avellar de Aquino, que tem vasta experiência na área de psicologia, com ênfase na Análise Existencial de Viktor Frankl.

“O objetivo é explorar os ensinamentos sobre Logoterapia de Viktor Frankl. Acreditamos que essa proposta também responde à nossa missão de formar evangelizadores para o terceiro milênio através do aprofundamento de conteúdos úteis à Fé Católica”, explica Aline Santos, coordenadora do evento.

Avellar de Aquino atua principalmente nos seguintes temas: sentido da vida, identidade religiosa, valores humanos, bem-estar existencial, psicologia da religião, processos de culpabilidade e concepções de morte.

O público alvo são todas as pessoas interessadas pela área de Logoterapia, sejam psicólogos, educadores, sacerdotes, estudantes universitários, pessoas de vida consagrada ou leigas. O curso acontecerá no auditório da Faculdade FCF e oferecerá certificado de participação, reconhecido pela própria instituição.

Logoterapia

A escola de Logotererapia tem como fundador o médico psiquiatra austríaco Viktor Emil Frankl (1905-1997). O termo “logos” é uma palavra grega que significa “sentido”. Assim, a “Logoterapia concentra-se no sentido da existência humana, bem como na busca da pessoa por este sentido”, define o próprio fundador, que se tornou mundialmente conhecido a partir de seu livro “Em Busca de Sentido – Um Psicólogo no Campo de Concentração”, no qual expõe suas experiências nas prisões nazistas e lança as bases de sua teoria.

Durante a guerra, observou a si mesmo e a outros em situações limite nos campos de extermínio nazistas, seu “experimentum crucis”, e comprovou a essência do que é ser humano: em uma situação desumanizadora, usar a capacidade de transcender e manter a liberdade interior.

Faculdade Católica de Fortaleza

Instituição de Ensino Superior de orientação Católica que propõe  formação acadêmica e doutrinal dos futuros ministros ordenados, bem como dos Leigos e todo cidadão que desejar estudar Filosofia e Teologia.

Instituto Parresia

O Instituto Parresia é o setor acadêmico da Assistência de Formação da Comunidade Católica Shalom. Desenvolve o aprofundamento dos conteúdos da fé cristã, através do estudo a nível acadêmico, de cursos, de grupos de estudos e pesquisas, na área da Teologia, Filosofia, Doutrina Cristã, História da Igreja, Sagradas Escrituras, Psicologia e outras ciências humanas.

Serviço

Curso de Logoterapia “Educar para o Sentido da Vida”
Data: 20 de maio, às 19h. 21 a 22 de maio a partir de 8h.
Local: Faculdade Católica de Fortaleza. Rua Tenente Benévolo, 201, Praia de Iracema.
Valor: R$ 120.
Inscrições: No Centro de Evangelização Shalom da Paz, na rua Maria Tomásia 72, bairro Aldeota. Ou através de depósito na conta da Associação Shalom (Banco Bradesco. Agência: 682 / Conta: 51944-8), e envio de comprovante para o e-mail institutoparresia@comshalom.org
Mais informações: 3308.7434

Com informações do portal Comshalom

Docentes da FCF participam de Encontro Científico nos Inhamuns

f32255d3-c750-4b3c-87d8-9faf7d9d429f

Os professores da Católica de Fortaleza, Dr. Pe. Antonio Francileudo e Ms. Lisieux Rocha, psicólogos, participam do II ENCONTRO CIENTÍFICO DOS INHAMUNS, ocorrido em Tauá-CE, de 15 a 17 de março de 2016.

O encontro que é uma realização da Prefeitura municipal de Tauá em parceria com as instituições UNIFOR, UECE, FANOR, FIOCRUZ, ESP/CE, tratou do tema “Ciência e Troca de Saberes” e se destinou a um público bem amplo. Participaram do evento alunos desde o ensino médio regular, profissionalizante, graduação, pós-graduação, até professores, pesquisadores, residentes e profissionais dos mais variados campos de atuação.

Os docentes Pe. Dr. Francileudo (Debatedor) e Ms. Lisieux Rocha fizeram suas intervenções na quarta, 16 de março, MESA REDONDA 1 (14h00 ÀS 15h30), com o Tema “Fé e Religiosidade”. Como Membros do Grupo de estudos multidisciplinares sobre ócio e tempo livre/ OTIUM/CNPq/PPG-Psi-UNIFOR, suas participações foram de extrema importância para a assembleia.c

CONFIRA COMO FOI A PROGRAMAÇÃO DO II ENCONTRO CIENTÍFICO DOS INHAMUNS: http://goo.gl/fxdkun

Redação FCF

Renomado teólogo Frei Moser, Presidente da Editora Vozes, é assassinado no Rio de Janeiro

O Frei e Presidente da Editora Vozes, Antonio Moser,75 anos,  foi assassinado nesta manhã de quarta-feira, dia 9 de março, na rodovia Washington Luiz, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Frei Moser como era conhecido também era professor de Teologia Moral e Bioética no Instituto Teológico Franciscano (ITF) em Petrópolis/ RJ, Pároco da Igreja de Santa Clara e Diretor do Centro Educacional Terra Santa.

Frei Moser, Set. 2015, na FCF

Frei Moser, Set. 2015, na FCF

A Faculdade Católica de Fortaleza – FCF emitiu nota de pesar pelo falecimento do Frei Moser. O religioso visitava anualmente a instituição para ministrar palestra e lançar títulos de sua editora. A última visita do religioso aconteceu em setembro de 2015 quando na ocasião ministrou uma conferência sobre Igreja em crise.

Para o coordenador do curso de Teologia da FCF e membro da Sociedade Brasileira de Teologia Moral, padre Moésio Pereira,  a notícia o pegou de surpresa e veio acompanha de muita tristeza. “É uma perca muito grande pois Frei Moser era muito antenado com  as questões da atualidade”, afirma o sacerdote que ressaltou o desejo de justiça. “Todo assassinato requer das autoridades uma ação de justiça e neste caso não é diferente”.

Conferência de Frei Moser na FCF

Conferência de Frei Moser na FCF

“Frei Moser declarava que aqui na Católica de Fortaleza se sentia muito bem”, relembra padre Evaristo Marcos, Diretor Acadêmico da instituição. “Éramos amigos e acima de tudo nos entendíamos e buscávamos refletir sobre o que estava acontecendo sobre a relação da Igreja com os problemas sociais”, completa.

Redação FCF